Instituto José Maciel

Conteudo

Depoimentos

Estatísticas do Site

Membros : 32784
Conteúdo : 679
Links da Web : 6
Visualizações de Conteúdo : 1211812

Pessoas Online

Nós temos 12 visitantes online

Amaro Bezerra

E-mail Imprimir PDF

Amaro Carneiro Bezerra Cavalcanti – político, chefe do Partido Liberal na antiga Província, nasceu em Pernambuco, a 15 de janeiro de 1825. Formado em Direito pela Academia de Olinda, em 1874, veio ano seguinte para o Rio Grande do Norte, onde a princípio exerceu a magistratura, abandonando, depois, essa carreira para dedicar-se à advocacia e à política. Chefiou, em começo, o Partido Conservador; mas, após a queda do gabinete Zacarias, passou a chefiar a corrente Liberal, gozando de real prestígio em toda a província e de grande influência na política Nacional, em Natal fundou o “Dois de Dezembro”, “O Correio Natalense”, “O Liberal Norte”, “O Liberal” e a “Liberdade”, jornais que obedecia à sua orientação. Sílvio Roméro, no seu livro “História da Literatura Brasileira”, fez honrosa referência a Amaro Bezerra, incluindo-se entre os obreiros de mais merecimento na campanha pela abolição.

Em muitas legislatura, o Dr. Amaro desempenhou o mandato de Deputado Provincial, tendo sido também assento na Câmara dos Deputados do Império, eleito pelo Rio Grande do Norte. Proclamada a República, o Dr. Amaro Bezerra afastou-se do cenário político, falecendo, no Rio de Janeiro, a 23 de novembro de 1890.

 
 Natal/RN - Brasil,