Instituto José Maciel

Depoimentos

Estatísticas do Site

Membros : 479
Conteúdo : 622
Links da Web : 6
Visualizações de Conteúdo : 816582

Pessoas Online

Nós temos 58 visitantes online

Dr. Luiz Felippe de Queirós Mattoso

E-mail Imprimir PDF

Luiz Felippe de Queirós Mattoso (Cadeira No. 83)
Membro Emérito

Secção de Ciências Aplicadas à Medicina
Cadeira No. 83 - Patrono: Vital Brazil Mineiro da Campanha
Eleito: 29/09/1983 - Posse: 29/11/1983 - sob a presidência de Aloysio de Salles Fonseca
Saudado por Paulo Frederico de Albuquerque
Antecessor: Paulo de Góes
Emérito: 01/09/2016

Acadêmico Luiz Felippe Mattoso passa a Membro Emérito da ANM

Em Sessão realizada na última quinta‐feira (1º), a Academia Nacional de Medicina concedeu o título de Membro Emérito a um de seus mais destacados confrades, o radiologista Felippe Mattoso. A honraria é concedida somente àqueles Membros que completaram 25 anos na qualidade de Membro Titular da instituição, de acordo com o que estabelece o Estatuto da Academia Nacional de Medicina – Capítulo III, Artigo 6º: “Passarão a membros Eméritos os membros Titulares que completarem 25 anos de Academia nesta condição, e que o desejarem, mantendo‐se‐lhes todos os direitos e deveres de Membro Titular”.

Felipe Mattoso tomou posse na Academia Nacional de Medicina em 29 de novembro de 1983, e com 33 anos como Acadêmico Titular solicitou passagem à categoria de Membros Eméritos no dia 01 de setembro de 2016.

O Acadêmico Luiz Felippe Mattoso nasceu na cidade de Rio de Janeiro, em 04 de julho de 1937. Graduou‐se em Medicina em 1961, pela Faculdade Nacional de Medicina da Universidade do Brasil, atual Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

Foi interno do Serviço de Radiologia do Hospital de Clinicas Manoel Quintela da Faculdade de Medicina em Montevidéu, Uruguai, 1961. Foi Residente Médico em Radiologia no Massachusetts General Hospital – Boston, Massachussetts, EUA, de 1962 a 1965. Foi Professor de Radiologia da Faculdade de Medicina de Petrópolis, da Escola Médica de Pós‐Graduação Carlos Chagas e da Universidade do Estado o Rio de Janeiro – UERJ. Chefiou o Serviço de Radiologia do Hospital Universitário Pedro Ernesto da UERJ e da Clínica Luiz Felippe Mattoso.

Foi um dos pioneiros em Radiologia Intervencionista e de novas modalidades de diagnóstico por imagem (Ussom, Tomografia Computadorizada, Ressonância Magnética e PET‐CT).

É Membro de diversas instituições, entre as quais: Sociedade de Medicina e Cirurgia do Rio de Janeiro; Sociedade Brasileira de Radiologia; Titular do Colégio Brasileiro de Radiologia (por concurso); Sociedade Brasileira de Neuroradiologia; Radiological Society of North America, Honorário da Sociedade Portuguesa de Radiologia; Sociedade Brasileira de Angiologia; Sociedade Brasileira de Nefrologia; Sociedade de Ginecologia e Obstetrícia de Estado do Rio de Janeiro; Associado do Colégio Brasileiro de Cirurgiões; “Alumni Association of the Masschusetts General Hospital – Harvard Medical School”. Além de integrar inúmeras Sociedades e Associações médicas nacionais e internacionais, Felippe Mattoso foi homenageado pela Sociedade de Medicina e Cirurgia do Estado do Rio de Janeiro em 2005 como “Médico do Ano”.

Leia mais...
 

Major Antonio Andrade

E-mail Imprimir PDF

 

Pe. Joao Correia de Aquino (Monsenhor Aquino)

E-mail Imprimir PDF

- Dados pessoais e funcionais do Monsenhor Aquino
(Pe. João Correia de Aquino)

Nascido na cidade de Pau dos Ferros, região oeste do Rio Grande do Norte, em o3.06.1920, é o 15º rebento de uma família classe  média constituída de uma prole de 18 filhos gerados pelo casal Manoel Alexandre de Aquino e Júlia Correia de Aquino, ele, agropecuarista de origem portuguesa e ela de prendas domésticas, descendente de Joaquim José Correia  - Homem público de projeção no cenário político em fins do século dezenove e começo do século vinte.

De formação cristã conviveu na sua infância e pré-adolescência, sob os cuidados atentos do lar, sempre inclinado a pretensões religiosas.

Seus passos preliminares na busca do saber foram orientados nas salas do Grupo Escolar “Joaquim Correia”, da sua cidade, entidade edificada por seu avô materno quando de suas proveitosas gestões administrativas naquela época. Com pouca idade, ainda, matriculou-se no Colégio Marista de Natal, mas logo no ano seguinte, transferiu-se para o Seminário de São Pedro, em Natal, efetuando sua iniciação vocacional.

Depois de freqüentar o Seminário Maior em Fortaleza, ordenou-se padre na Diocese de Natal no dia 19 de novembro de 1947.

Leia mais...
 

Joao Camara

E-mail Imprimir PDF

João Severiano da Câmara (Taipu, 8 de março de 1895 — Natal, 12 de dezembro de 1948), mais conhecido como João Câmara, foi um agropecuarista, comerciante, industrial e político brasileiro que foi deputado estadual no Rio Grande do Norte e senador pelo mesmo estado.

Fazendeiro, criador de gado e plantador de algodão, exportador e industrial, desempenhou papel fundamental na criação e desenvolvimento do município de Baixa Verde, hoje João Câmara, sendo seu primeiro prefeito.

Em outubro de 1934, foi eleito para a assembléia constituinte do Rio Grande do Norte pelo Partido Popular (PP), sendo um dos signatários da constituição estadual de 1936.

Com a implantação do Estado Novo, teve seu mandato extinto, em novembro de 1937.

Redemocratizado o país, elegeu-se senador em janeiro de 1947 pelo PSD, do qual foi um dos fundadores em seu estado.

Quando faleceu, era um dos nomes cogitados para concorrer ao governo.

Períodos Legislativos da Terceira República - 1937-1946

Leia mais...
 
 Natal/RN - Brasil,