Instituto José Maciel

Depoimentos

Estatísticas do Site

Membros : 469
Conteúdo : 617
Links da Web : 6
Visualizações de Conteúdo : 774551

Pessoas Online

Nós temos 34 visitantes online

Solar Caxanga por Anderson Tavares

E-mail Imprimir PDF

Em 1850, o Coronel da Guarda Nacional Estevão José Barbosa de Moura (1810-1891), deputado provincial, presidente da Província do RN por três vezes, construiu a primeira ponte sobre o Rio Jundiaí e abriu a estrada Macaíba / Natal, via Mangabeira, tudo por conta própria. Terminou a contrução de um casarão moldado em estilo Colonial Português, para sede da sua Fazenda Barra (primeira denominação de Caxangá).

Fato é que, a Câmara Municipal de São Gonçalo do Amarante, em sessão do dia 20 de fevereiro de 1850, tomou conhecimento da representação do mesmo Coronel Estevão, ao presidente da província, contra seu vizinho da Fazenda Coité. (hoje Macaíba) Capitão Francisco Pedro Bandeira de Melo, o qual possuia sua casa em lugar central no Largo das Cinco Boca; onde atualmente uma loja de móveis ocupa o espaço. É que o capitão estreitara a estrada que desce para o porto de Coité. Em 28 de fevereiro de 1850, a Câmara, tendo em vista a informação do fiscal, ordenou que Bandeira de Melo recuasse a cerca do Coité.

Leia mais...
 

Segunda Guerra

E-mail Imprimir PDF
 




 

 

Laly Carneiro Meignan

E-mail Imprimir PDF

  • 1965 – Formou-se em medicina pela Universidade Federal do Estado do Rio Grande do Norte.
  • 1966 – Laly Carneiro é auto-exilada na França.
  • 1967 – Conhece um conde francês com quem se casa e automaticamente recebe o título de condessa.
  • 1969 – Foi escolhida assistente substituta no Hospital Bicetre, na França, onde exerce o cargo até 1973.
  • 1975 – Foi nomeada médica responsável pela Unidade de Reanimação do Centro Hospitalar Saint Anne.
  • 1979 – Foi nomeada Chefe do Serviço de Anestesia-Reanimação do Centro Hospitalar Saint Anne.

TÍTULOS E CONDECORAÇÕES

  • Membro da Academia Européia de Anestesia.
  • Membro da Associação de Neuroanestesia-reanimação de Língua Francesa.
  • Membro da Sociedade Francesa de Anestesia, Analgesia e Reanimação.
  • Membro do Conselho de Administração da Associação Internacional de Anestesia-reanimação de Expressão Francesa.
  • Vice-presidente do Colégio Nacional dos Pacientes Hospitalares em regime de tempo integral dos hospitais não universitários da França.
  • Membro do Who‘s Who In The World (Quem é Quem no Mundo).
  • Condecorada com a Cruz "Pro Mérito Melitense", da Ordem Militar e Hospitalar de Malta.
  • Considerada medica expert em anestesiologia pela diretoria de farmácia e do medicamento do Ministério da Saúde da França.

 

1965 – Formou-se em medicina pela Universidade Federal do Estado do Rio Grande do Norte.

1966 – Laly Carneiro é auto-exilada na França.

1967 – Conhece um conde francês com quem se casa e automaticamente recebe o título de condessa.

1969 – Foi escolhida assistente substituta no Hospital Bicetre, na França, onde exerce o cargo até 1973.

1975 – Foi nomeada médica responsável pela Unidade de Reanimação do Centro Hospitalar Saint Anne.

1979 – Foi nomeada Chefe do Serviço de Anestesia-Reanimação do Centro Hospitalar Saint Anne.

TÍTULOS E CONDECORAÇÕES

Membro da Academia Européia de Anestesia

Membro da Associação de Neuroanestesia-reanimação de Língua Francesa

Membro da Sociedade Francesa de Anestesia, Analgesia e Reanimação

Membro do Conselho de Administração da Associação Internacional de Anestesia-reanimação de Expressão Francesa

Vice-presidente do Colégio Nacional dos Pacientes Hospitalares em regime de tempo integral dos hospitais não universitários da França

Membro do Who‘s Who In The World (Quem é Quem no Mundo)

Condecorada com a Cruz "Pro Mérito Melitense", da Ordem Militar e Hospitalar de Malta.

Considerada medica expert em anestesiologia pela diretoria de farmácia e do medicamento do Ministério da Saúde da França.

 

Pedro Juvenal Teixeira de Carvalho

E-mail Imprimir PDF

 
 Natal/RN - Brasil,